Por que os ps crescem aps a gravidez?

Voc j experimentou uma cala colocando no pescoo? E sapato, medindo no antebrao? Dizem que eles tm o mesmo tamanho! Ser que isso funciona mesmo? E o p, at quando ele cresce? s vezes, o aumento nas medidas pode ser um problema hormonal.

No Bem Estar desta segunda-feira (27), o endocrinologista Dr. Bruno Halpern fala sobre esse crescimento das extremidades. O ginecologista e consultor do programa, Dr. Jos Bento explica o crescimento do p durante a gravidez.

Crescimento e puberdade

Muitos hormnios e fatores esto associados ao crescimento do corpo humano. O que dita o crescimento a idade ssea, enquanto a cartilagem do crescimento estiver aberta, ns continuaremos crescendo. O estrgeno responsvel por isso e quanto mais tempo ficamos com a cartilagem aberta, mais alto seremos. Quem tem a puberdade precoce mais baixo porque produz mais hormnios e a cartilagem se fecha antes.

CLCULO – A carga gentica um fator bastante importante para o crescimento, sendo possvel fazer um clculo da altura da criana com base na altura dos pais. A conta a seguinte: soma-se a altura do pai com a altura da me e divide-se por 2. Se for menino soma 6.5 cm, se for menina, subtrai 6,5 cm. No caso dos homens, soma porque o tempo do estiro na puberdade mais longo.

A relao da altura com o infarto e o cncer

Dr. Bruno Halpern explica que h estudos que comprovam que pessoas baixas tm mais chance de ter problemas cardiovasculares enquanto as altas, cncer.

Os genes relacionados baixa estatura esto relacionados s doenas cardiovasculares e tem ainda o fator da alimentao: quem mais baixo come mais ou menos a mesma quantidade que algum alto, ento o ganho de peso outro fator de risco.

Nas pessoas altas, o problema a produo em excesso do hormnio do crescimento. Esse hormnio continua sendo produzido ao longo da vida e as pessoas mais altas produzem em maior quantidade, o que um fator de risco para o cncer, j que o GH responsvel pela estimulao da multiplicao celular.

O tamanho do p e a gestao

Em algumas mulheres em que o p mais curvado, com o peso da gestao e a atuao dos hormnios que afrouxam os ligamentos, o p fica chato e, consequentemente, maior.

Dependendo do peso que a gestante ganhar, o p pode inchar e tambm aumentar o nmero. O p no cresce propriamente dito, ele estica ou engorda, e no volta aps a gravidez.

Proporcionalidade

Cintura: um fator de risco para doenas cardiovasculares ter a cintura maior que a metade da altura.

Seios: durante a lactao, se a me der sempre o mesmo peito para o beb mamar, esse seio vai ficar maior que o outro. Quanto mais estimulado o seio, maior ele dica. A dica marcar o tempo e ir trocando de peito durante a amamentao.

Desejo de grvida

Durante a gravidez, a mudana na quantidade de sangue que irriga a papila gustativa modifica o paladar da mulher. Por isso, elas sentem desejos at estranhos, como comer limo. Se o desejo for comer tijolo, isso pode ser um sinal de anemia.

Voc j experimentou uma cala colocando no pescoo? E sapato, medindo no antebrao? Dizem que eles tm o mesmo tamanho! Ser que isso funciona mesmo? E o p, at quando ele cresce? s vezes, o aumento nas medidas pode ser um problema hormonal.

No Bem Estar desta segunda-feira (27), o endocrinologista Dr. Bruno Halpern fala sobre esse crescimento das extremidades. O ginecologista e consultor do programa, Dr. Jos Bento explica o crescimento do p durante a gravidez.

Crescimento e puberdade

Muitos hormnios e fatores esto associados ao crescimento do corpo humano. O que dita o crescimento a idade ssea, enquanto a cartilagem do crescimento estiver aberta, ns continuaremos crescendo. O estrgeno responsvel por isso e quanto mais tempo ficamos com a cartilagem aberta, mais alto seremos. Quem tem a puberdade precoce mais baixo porque produz mais hormnios e a cartilagem se fecha antes.

CLCULO – A carga gentica um fator bastante importante para o crescimento, sendo possvel fazer um clculo da altura da criana com base na altura dos pais. A conta a seguinte: soma-se a altura do pai com a altura da me e divide-se por 2. Se for menino soma 6.5 cm, se for menina, subtrai 6,5 cm. No caso dos homens, soma porque o tempo do estiro na puberdade mais longo.

A relao da altura com o infarto e o cncer

Dr. Bruno Halpern explica que h estudos que comprovam que pessoas baixas tm mais chance de ter problemas cardiovasculares enquanto as altas, cncer.

Os genes relacionados baixa estatura esto relacionados s doenas cardiovasculares e tem ainda o fator da alimentao: quem mais baixo come mais ou menos a mesma quantidade que algum alto, ento o ganho de peso outro fator de risco.

Nas pessoas altas, o problema a produo em excesso do hormnio do crescimento. Esse hormnio continua sendo produzido ao longo da vida e as pessoas mais altas produzem em maior quantidade, o que um fator de risco para o cncer, j que o GH responsvel pela estimulao da multiplicao celular.

O tamanho do p e a gestao

Em algumas mulheres em que o p mais curvado, com o peso da gestao e a atuao dos hormnios que afrouxam os ligamentos, o p fica chato e, consequentemente, maior.

Dependendo do peso que a gestante ganhar, o p pode inchar e tambm aumentar o nmero. O p no cresce propriamente dito, ele estica ou engorda, e no volta aps a gravidez.

Proporcionalidade

Cintura: um fator de risco para doenas cardiovasculares ter a cintura maior que a metade da altura.

Seios: durante a lactao, se a me der sempre o mesmo peito para o beb mamar, esse seio vai ficar maior que o outro. Quanto mais estimulado o seio, maior ele dica. A dica marcar o tempo e ir trocando de peito durante a amamentao.

Desejo de grvida

Durante a gravidez, a mudana na quantidade de sangue que irriga a papila gustativa modifica o paladar da mulher. Por isso, elas sentem desejos at estranhos, como comer limo. Se o desejo for comer tijolo, isso pode ser um sinal de anemia.

Site melhor visualizado no Google Chrome e Mozilla Firefox

Copyright 2012 - Apcef Saúde Pernambuco - Todos os direitos reservados